terça-feira, 31 de março de 2009

Retrato de Moholy-Nagy é vendido por US$ 242.5 mil

Esse mundão das artes é realmente uma coisa de louco. Por sinal, para muitos poucos entenderem. Talvez porque arte seja arte e não pode ser questionada.
Aconteceu ontem em Nova York, na casa de leilões britanica Sotheby's, um evento para venda em lances de várias obras fotográficas.

Um retrato em preto-e-branco da esposa do húngaro László Moholy-Nagy (1895/1946 - foto ao lado), cujo valor foi calculado entre US$ 200 mil e US$ 300 mil, foi arrematado por US$ 242.500.

Entre as peças leiloadas estavam seis lotes de fotografias do mexicano Manuel Álvarez (1902-2002) avaliados em US$ 77 mil e que foram vendidos por US$ 95 mil.
Outras obras estavam em leilão, como imagens dos fotógrafos Robert Frank (Suíça) "Nova Orleans (Tranvía)", vendida por US$ 122 mil; imagens do polêmico artista nova-iorquino Robert Mapplethorpe (1946-1989), cuja obra "Calla Lily" foi vendida por US$ 92.500.

Agora a maior surpresa do dia ficou com a fotografia "Woman in Moroccan palace" ("Mulher em um palácio marroquino" - foto a esquerda), do americano Irving Penn (1918), que não teve lance algum, apesar de ser considerada uma das vedetes do leilão.

Além das fotos vendidas, havia outras instantâneas dos americanos William Eggleston (1939), Ansel Adams (1902-1984) e Edward Weston (1886-1958), assim como de seu filho Brett Weston (1911-1993), entre outros. EFE

Gostou? Não gostou? Deixe um comentário.

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Se você não é um usuário do Blogger (Google) ou Wordpress, utilize a opção Nome/URL (se não tiver um site, deixe essa opção em branco). Não deixe de completar o formulário com seu nome ou apelido, pois é importante sabermos quem fez o comentário.

JAMAIS COMENTE DE FORMA ANÔNIMA.

Marcadores

Leitores

Notícias


Assine nosso Feed
Receba os artigos por email


BlogBlogs.Com.Br BlogBlogs.Com.Br

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO